O varejista francês Casino Guichard-Perrachon reafirmou nesta terça-feira o seu objetivo de aumentar a receita em 10% em 2012, como em 2011, cujo lucro subiu, impulsionado pelo forte crescimento em mercados emergentes e por uma recuperação na França durante o segundo semestre.

A companhia disse que tem como meta elevar suas vendas acima dos 10% em 2012, estabilizar sua participação no mercado de alimentos na França e aumentar seu lucro comercial na cadeia de supermercados Franprix ao longo do ano.

O lucro líquido, em uma base relatada, subiu 6,6% em 2011, para ? 568 milhões, em relação aos ? 533 milhões em 2010, enquanto o lucro líquido subjacente, que exclui itens não recorrentes e operações descontinuadas, avançou de ? 529 milhões para ? 565 bilhões.

O lucro de curto prazo do Casino superou as expectativas, crescendo 19%, de ? 1,30 bilhão em 2010 para ? 1,55 bilhão no ano passado.

O desempenho da empresa foi “impulsionado por suas subsidiárias internacionais, mas também pela sólida contribuição da França, onde o grupo recuperou a rentabilidade no segundo semestre, graças ao impacto dos planos de ação que foram implementados”, disse Jean-Charles Naouri, presidente e chefe executivo da empresa, em comunicado.

Em janeiro, a empresa já havia informado que as vendas do ano haviam subido 18%, para ? 34,4 bilhões, acima dos objetivos do Casino de garantir um crescimento anual de vendas acima de 10% nos próximos três anos.

A companhia informou que sua dívida líquida para lucros antes de juros, taxas, depreciações e amortizações caiu para 2,35, de 1,97 no final do ano passado. O Casino disse que ele vai propor um dividendo de ? 3 por ação. As informações são da Dow Jones.