O ex-presidente da África do Sul Nelson Mandela está em condição “grave, mas estável” após ter sido levado a um hospital para ser tratado de uma infecção no pulmão, disse o governo sul-africano neste sábado, 8.

Mandela, de 94 anos, recebeu tratamento hospitalar várias vezes nos últimos meses. A última vez que ele esteve no hospital, no dia 6 de abril, os médicos drenaram fluido da área de pulmão após ele ter sido diagnosticado com pneumonia. Mandela tem estado vulnerável a problemas respiratórios desde que contraiu tuberculose durante sua prisão de 27 anos devido ao apartheid no país.

“Durante os últimos anos, o ex-presidente Nelson Mandela tem tido uma recorrente infecção pulmonar”, afirmou um comunicado do escritório do presidente da África do Sul, Jacob Zuma. “Essa manhã, por volta da 1h30 (horário local), sua condição se deteriorou e ele foi transferido para um hospital de Pretória.”

Segundo o comunicado, Mandela estava recebendo cuido médico especial e os “médicos estava fazendo todo o possível para torná-lo melhor e confortável.”