A líder do partido de extrema-direita francês Frente Nacional, Marine Le Pen, fez uma pausa na campanha presidencial no país para fazer uma visita surpresa à Trump Tower, em Nova York, nesta quinta-feira.

Le Pen não quis dizer se estava nos EUA para se reunir com o presidente eleito, Donald Trump. Segundo um porta-voz da Frente Nacional, ela estava em uma “viagem particular”, recusando-se a fazer mais comentários.

Porta-voz de Trump, Hope Hicks disse a jornalistas que Le Pen “não se reuniu com ninguém da nossa equipe”. Fonte: Dow Jones Newswires.