O presidente da Rússia, Dmitry Medvedev, disse hoje, em mensagem ao presidente dos EUA, Barack Obama, que os esforços para minimizar a importância dos recentes avanços das relações entre os dois países não terão sucesso. Em comunicado, divulgado pelo Kremlin, Medvedev não mencionou diretamente a prisão nos EUA, na semana passada, de dez pessoas acusadas de serem agentes russos.

Medvedev disse que as relações entre EUA e Rússia “vão ao encontro dos verdadeiros interesses das pessoas de nossos países. Isso por si só torna infrutíferas e infundadas as tentativas de se minimizar a importância de nossas conquistas”.

Alguns membros do governo russo sugeriram que as prisões por espionagem tinham como objetivo minar as relações entre Moscou e Washington. As informações são da Associated Press.