A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, rebateu hoje a crítica do presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, feita à União Europeia e pediu por uma unidade dos membros do bloco.

“Acho que nós, europeus, temos nosso destino em nossas mãos”, disse Merkel, em uma entrevista coletiva. Segundo a chanceler alemã, mesmo quando o Reino Unido deixar a UE, ela pressionaria os outros 27 Estados-membros do bloco a “trabalharem juntos, intensivamente e, acima de tudo, olhando para o futuro”.

Merkel evitou responder às afirmações específicas sobre a entrevista concedida por Trump ao Bild e ao The Times, de Londres. Além de chamar a política migratória de Merkel de “catástrofe”, o bilionário previu o colapso da UE em um futuro próximo.

“Trump apresentou suas posições mais uma vez. Elas são conhecidas há algum tempo, assim como as minhas posições, que também são conhecidas”, disse Merkel. Fonte: Dow Jones Newswires.