O primeiro-ministro da Espanha, Jose Luis Zapatero, anunciou nesta terça-feira a substituição do ministro das Finanças, Pedro Solbes, em meio a mudanças em seu gabinete, diante do aprofundamento da crise econômica no país e antes das eleições de 7 de junho para o Parlamento Europeu.

“A luta contra a crise econômica é nossa prioridade”, afirmou Zapatero em entrevista à imprensa. Solbes será substituído pela ministra da Administração Pública, Elena Salgado.

A mudança segue-se a meses de especulação sobre a substituição de Solbes, um ex-comissário europeu para assuntos econômicos e monetários e três vezes ministro das Finanças da Espanha. Em fevereiro deste ano, Solbes, de 66 anos e visivelmente cansado, disse em tom de brincadeira aos jornalistas que invejava o ministro da Justiça, Mariano Fernandez Bermejo, que deixou o cargo recentemente, por ser um “ex-ministro”. O comentário foi amplamente criticado pela oposição que estaria demonstrando falta de vontade para lidar com a crise. As informações são da Dow Jones.