O número de mortes no terremoto que atingiu a região central da Itália na madrugada de segunda-feira (6) aumentou para 179. Segundo equipes de resgates, pelo menos 34 pessoas continuam desaparecidas na cidade de L’Aquila, epicentro do tremor. Um outro forte terremoto, de magnitude 7 na escala Richter, atingiu hoje as Ilhas Kuril, um arquipélago no Pacífico Norte, motivo de disputa territorial entre a Rússia e o Japão, disseram sismólogos americanos.