A coalizão de oposição da Síria elegeu nesta terça-feira Ghassan Hitto como primeiro-ministro interino para dirigir um governo provisório e administrar áreas conquistadas pelas forças rebeldes na Síria.

Ghassan Hitto recebeu 35 votos, dos 48 votos, registrados pela Coalizão Nacional Síria durante uma reunião em Istambul. Os resultados foram lidos em voz alta pelo membro da coalizão Hisham Marwa sob aplausos de seus colegas que haviam esperado até a madrugada para ouvir o resultado.

Pouco conhecido, Hitto é um ativista islâmico e gestor de tecnologia da informação com formação nos Estados Unidos.

As informações são da Associated Press.