Pesquisa de boca-de-urna indica o Partido Conservador com o maior número de parlamentares nas eleições do Reino Unido, mas sem maioria absoluta. O levantamento mostra os conservadores com 307 assentos, seguidos pelos trabalhistas (255) e pelos liberais democratas (59). O resultado, divulgado em conjunto pelas redes BBC, ITV e Sky, abre a possibilidade de que Cameron se declare o novo primeiro-ministro num governo de minoria. Para conseguir a maioria absoluta, o partido precisaria de 326 lugares na Casa.

A maior surpresa da pesquisa é o desempenho fraco do líder do Partido Liberal Democrata, Nick Clegg. Caso o resultado se confirme, mostrará que a popularidade repentina obtida após o primeiro debate na TV perdeu força nos últimos dias de campanha. O levantamento divulgado hoje indica os liberais democratas com menos assentos do que os 62 conseguidos nas eleições de 2005.

As urnas do Reino Unido foram fechadas às 22 horas (local, ou 18h de Brasília). A apuração deve se estender pela madrugada.