A Polícia Federal do México encontrou armas e munições no sudeste do país, arsenal supostamente pertencente ao cartel Zetas, um dos grupos locais de narcotráfico mais violentos. Foram encontradas 73 armas de alto calibre, duas curtas, 12 granadas e 2.275 cartuchos que estavam escondidos em um veículo de transporte de cavalos, disse o comunicado do comissário de segurança regional da polícia, Vidal Díaz Leal.

Segundo ele, o arsenal foi encontrado ontem em uma estrada do sul do Estado de Tabasco, quando agentes federais que patrulhavam a região viram o veículo. A polícia revistou o veículo, que era ocupado por um homem e uma mulher, e encontrou o arsenal num compartimento com fundo falso. Eles seriam integrantes dos Zetas.

Os agentes também encontraram dois quilos de cocaína. Díaz disse que foi descoberto que o Estado de Tabasco é usado como rota para o tráfico de armas e drogas por via terrestre. Os Zetas foram responsabilizados por diversos ataques, sobretudo no nordeste do país, onde mantém uma disputa com seus antigos aliados do Cartel do Golfo.