Autoridades afegãs estenderam a votação hoje por uma hora para permitir que mais pessoas participem das eleições presidenciais. O porta-voz da Comissão Independente de Eleição, Noor Mohammad Noor, informou que as urnas permaneceriam abertas até as 17h (hora local, 9h30 no horário de Brasília). O comparecimento de eleitores parecia baixo, particularmente no violento sul do país. A polícia na capital Cabul matou duas pessoas, supostamente extremistas suicidas.

Militantes realizaram ataques menores por todo o país. Foguetes foram lançados no sul, ao mesmo tempo em que a polícia confrontou militantes no norte do país. O Taleban ameaçou atacar os centros de votação e também os cidadãos que participassem do pleito. O atual presidente, Hamid Karzai, é o favorito na eleição, mas há chances dele ir para o segundo turno contra seu ex-ministro de Relações Exteriores Abdullah Abdullah.