Jovens que participavam de um protesto contra o governo italiano em Florença entraram em confronto com a polícia neste sábado. Segundo a polícia, os manifestantes atiraram pedras e pedaços de madeira nos agentes, que responderam com gás lacrimogêneo.

O protesto, que acontecia pacificamente, mirava o referendo constitucional convocado pelo primeiro-ministro Matteo Renzi, marcado para o dia 4 de dezembro. Renzi, que estava em Florença para um encontro político, afirma que as mudanças incluem importantes reformas, mas opositores temem que elas levem a uma concentração excessiva de poder na Itália.

Segundo o prefeito de Florença, Mario Nardella, vários policiais ficaram feridos nos protestos, mas não citou um número específico. A imprensa italiana cita que um agente foi ferido na perna, aparentemente por fogos de artifício. Fonte: Associated Press.