Um roedor, provavelmente um rato, roubou a cena enquanto o presidente do Estados Unidos, Barack Obama, fazia um discurso do lado de fora do Salão Oval da Casa Branca, no final da tarde de ontem.

Obama aparentemente não notou a presença do rato, que saiu de um arbusto e ficou parado na frente do púlpito onde ele discursou durante alguns minutos sobre a aprovação da reforma do sistema financeiro, no Jardim das Rosas.

Após o discurso, Obama voltou para o Salão Oval sem fazer mais comentários. Um debate irrompeu entre os fotógrafos, sobre se o animal era um rato, um camundongo ou outra espécie de roedor.