O secretário de Assuntos Políticos da Organização dos Estados Americanos (OEA), Dante Caputo, declarou nesta quinta-feira (1) estar confiante de que a violência será evitada durante o referendo de domingo em Santa Cruz, na Bolívia.

Caputo mostrou otimismo após reunir-se pela manhã com o presidente boliviano Evo Morales e com o governador de Santa Cruz, Rubén Costas, que se opõe ao governo federal e defende a autonomia da região.

"A sensação que tirei desse encontro é positiva. O compromisso muito forte de utilizar todos os meios disponíveis para que não haja violência é um dado muito positivo por parte dos responsáveis do Estado democraticamente eleitos", disse Caputo.

"Há disposição para o diálogo. As discussões são outras. Seria gravíssimo se não houvesse essa disposição para dialogar. Então, a única saída seria o uso de força", acrescentou.