O secretário de Estado dos EUA, Rex Tilerson, negou que tenha qualquer pretensão de deixar o cargo no governo do presidente, Donald Trump, em coletiva de imprensa nesta tarde. Mais cedo, circularam relatos na imprensa americana de que Tillerson renunciaria ao posto da Casa Branca e que teria chamado Trump de “babaca”.

O secretário de Estado veio à público contestar reportagens veiculadas nesta manhã sobre sua possível renúncia e afirmou que seu comprometimento com Trump e com os EUA “seguem fortes”. “Há um forte comprometimento entre os esforços diplomáticos e militares neste governo. O vice-presidente, Mike Pence nunca teve de me persuadir para permanecer no cargo e eu nunca considerei deixar o posto de secretário de Estado”, declarou.

Sobre os relatos de que teria chamado Trump de “babaca”, Tillerson disse que não é de Washington e que não está acostumado “com esse tipo de linguagem”. “Esses relatos são uma tentativa de dividir nosso governo e nosso país”.