O Papa Francisco cedeu os melhores assentos a pessoas sem-teto durante uma missa especial na Basílica de São Pedro. O Papa os convidou a acompanhar suas últimas missas pelo Jubileu Extraordinário da Misericórdia, estabelecido por ele para valorizar essa virtude, e que se encerra dia 20 de novembro.

Junto a cardeais, os sem-teto se sentaram próximos ao altar neste domingo. Francisco disse em sua homilia que Deus e o próximo são as duas maiores riquezas da vida. “Todo o resto, até esta Basílica, passa”, concluiu.

O Papa chamou de “esclerose espiritual” o ato de se concentrar apenas na produção de bens em vez de se importar com os outros. Fonte: Associated Press.