O governo do presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, tomará “ações rápidas” em relação aos acordos mais importantes de livre comércio que o país faz parte, o Tratado de Livre Comércio da América do Norte (NAFTA) e a Parceria Transpacífico (TPP, na sigla em inglês), declarou nesta quinta-feira o escolhido de Trump como porta-voz da Casa Branca, Sean Spicer.

Em uma coletiva de imprensa nesta tarde, Spicer criticou os comentários sobre a falta de autoridades de origem latina no novo governo norte-americano, sendo a primeira administração sem nenhum representante da minoria em quase 30 anos.

Spicer defendeu a diversidade da equipe de Trump, com a nomeação de Elaine Chao, Ben Carson e Nikki Haley, que representam três minorias diferentes.