O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou que não gosta de usar o Twitter e que o faz para “combater a mídia desonesta”, em entrevista para a Fox News nesta quarta-feira. “Eu não gosto de tuitar, mas é a única forma que tenho para responder à mídia, que fala sobre mim de forma muito desonesta”, disse.

Em relação a um relatório divulgado que insinuava que Trump teria ligações com a Rússia, o presidente eleito reiterou que são “notícias falsas”. “A CIA nunca deveria ter feito parte disso, pois foi inventado, nunca aconteceu e a razão pela qual digo isso com tanta veemência é porque nunca vai aparecer uma gravação, pois nada disso aconteceu”, afirmou.

O presidente eleito disse que já está com o discurso da posse pronto e que deve agradecer Barack Obama e a primeira-dama, Michelle Obama, e afirmou que ambos estão sendo “absolutamente agradáveis”.

Trump confirmou que na noite da posse da presidência, na sexta-feira, toda sua família passará a noite na Casa Branca. Entretanto, sua mulher, Melania Trump e seu filho mais novo devem morar em Nova York até ele terminar o ano letivo escolar.

O republicano também falou sobre as celebridades que declararam que não participariam de sua cerimônia de posse. “Muitas das celebridades que afirmaram que não vão…elas sequer foram convidadas”, declarou. “Eu não quero celebridades por lá. Eu quero o povo”, disse.

Ele também falou novamente sobre sua promessa de campanha de construir um muro para impedir a imigração ilegal através da fronteira com o México. “Nós vamos construir o muro e o México vai nos pagar de volta. Para que o muro comece a ser construído mais rápido teremos de fazer dessa maneira”, afirmou Trump.