O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta quinta-feira que não tem gravações de seu encontro como ex-diretor do FBI James Comey. O republicano usou seu perfil no Twitter para afirmar que “não fiz e não tenho nenhuma dessas gravações”. Semanas atrás, durante uma coletiva de imprensa, Trump havia deixado no ar a possibilidade da existência dessas gravações.

Perguntas em torno da existência de gravações das conversas de Trump com Comey surgiram após um tuíte anterior do presidente, no qual ele disse que seria bom se o ex-diretor do FBI não tivesse gravações do ocorrido. Comey, por sua vez, disse, em um depoimento no Senado, que esperava que houvesse gravações.

Comey foi demitido no início de maio enquanto investigava uma suposta interferência da Rússia nas eleições presidenciais americanas do ano passado e um suposto conluio com a campanha de Trump.