O tufão Hagupit atingiu nesta quarta-feira (24) a província de Cantão, no sul da China, arrancando árvores, derrubando outdoors e forçando a retirada de mais de 28 mil pessoas antes de perder força e se transformar em uma tempestade tropical. Com ventos de 172 quilômetros por hora, a tempestade atingiu a cidade de Maoming depois de passar pelo centro financeiro asiático de Hong Kong, onde pelo menos 58 pessoas ficaram feridas.

Em Cantão, um dos maiores centros produtores da China, autoridades retiraram 17.324 pessoas da cidade costeira de Yangjiang, e outras 11.000 tiveram que deixar o condado de Xuwen informou a agência de notícias Nova China. As embarcações tiveram de retornar para o porto. Além de Cantão, o Hagupit também forçou o fechamento de escolas na cidade de Zhanjiang. Não foram registrados grandes danos ou mortes em Cantão.