A União Europeia convidou seus Estados-membros a garantirem melhores espaços públicos contra atos terroristas e projetá-los com a ameaça em mente, após uma série de ataques em áreas urbanas nos últimos anos.

A Comissão Europeia afirmou que proporcionaria mais de 100 milhões de euros até meados do próximo ano para projetos transfronteiriços e para cidades que investem na proteção dos alvos “soft”, como espaços públicos com alta concentração de pessoas. Nos últimos anos, os terroristas têm áreas de pedestres, aeroportos, áreas de shows e mercados de Natal em cidades europeias como Barcelona, Berlim, Londres, Paris e Nice, usando carros e caminhões sequestrados e, em alguns casos, armas e explosivos.

“Temos que aceitar que os terroristas não irão parar, mudar ou adaptar seus métodos. Precisamos adaptar a nossa respostas”, afirmou o comissário europeu de segurança, Julian King. Ele afirmou que a Comissão irá permitir que autoridades locais, planejadores urbanos e especialistas em segurança se encontrem e troquem boas práticas sobre como “tornar os espaços públicos mais seguros sem desnaturalizá-los”. Fonte: Dow Jones Newswires.