O número de mortos por um duplo atentado suicida no Paquistão subiu para 42, afirmou o alto funcionário do setor de resgates Mazhar Ahmad. O principal funcionário da administração da cidade, Khusro Pervez, confirmou o total de óbitos. O ataque ocorreu na noite de ontem em uma mesquita lotada na cidade de Lahore, no leste do país. Alguns dos 175 feridos no atentado morreram por causa dos ferimentos e, além disso, as equipes descobriram mais corpos entre os escombros.

Também hoje, o Taleban paquistanês negou envolvimento no atentado. “Nós não somos responsáveis por esses ataques”, disse Azam Tariq, um porta-voz do Tehreek-e-Taliban Pakistan. “Isso é uma conspiração das agência secretas estrangeiras. Você sabe que não atacamos lugares públicos”, afirmou. As informações são da Dow Jones.