A Venezuela está enviando diesel para a Síria e o governo do presidente Hugo Chávez não planeja deter os embarques, afirmou nesta terça-feira o ministro de Energia do país, Rafael Ramírez. Segundo ele, a possibilidade de que a Venezuela sofra sanções não deterá a ajuda à Síria.

Ramírez disse que a estatal petrolífera venezuelana, Petróleos de Venezuela SA (PdVSA), enviou dois carregamentos de 300 mil barris de óleo diesel, cada um, para a Síria. “A Síria é um país bloqueado” disse Ramírez. “Se ela precisar de diesel e nós podemos fornecer o combustível, não vejo razão para não fazer isso”, disse.

Chávez é aliado do presidente sírio Bashar Assad, que atraiu críticas internacionais por causa da repressão que lançou contra a oposição.

As informações são da Associated Press.