O vice-ministro de Relações Exteriores da Coreia do Norte, Kim Kye Gwan, visitará os Estados Unidos nesta semana para discutir os próximos passos necessários para retomar as negociações internacionais destinadas a afastar o país comunista dos programas nucleares, disse hoje a secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton. O anúncio é mais um sinal de que os diplomatas podem estar perto de reiniciar as conversações que foram interrompidas em 2008.

O vice-ministro norte-coreano viajará para Nova York a convite de Hillary, feito após uma visita da secretária de Estado dos EUA a Bali, capital da Indonésia, com Kim e o ministro de Relações Exteriores do Japão, Takeaki Matsumoto. O encontro aconteceu durante um fórum regional da Associação das Nações do Sudeste Asiático, na qual autoridades de 27 nações discutiram questões de segurança.

Kim se reunirá com autoridades norte-americanas para discutir o compromisso de seu país em retomar as negociações internacionais e adotar passos concretos em direção ao desarmamento, afirmou Hillary em um comunicado emitido em sua partida de Bali. As conversas envolvem, além das duas Coreias, os Estados Unidos, a China, o Japão e a Rússia. As informações são da AP.