Um alto funcionário da administração do presidente dos Estados unidos, Barack Obama, disse que Washington está enviado novamente seu embaixador na Síria, Robert Ford, a Damasco, após o diplomata ter sido retirado em 22 de outubro da capital síria em meio a demonstrações de hostilidade. Ford volta à capital síria nesta terça-feira. Segundo o governo americano, a presença de Ford em Damasco é importante por objetivos políticos dos EUA e para que ele sirva como testemunha da violência que acontece no país do Oriente Médio. A Síria respondeu aos EUA em outubro com medida semelhante e chamou de volta seu embaixador em Washington.

Em 2005, os EUA cortaram seus laços com a Síria durante a administração de George W. Bush, que acusava o regime sírio de patrocinar o terror. A Síria ficou sem embaixador dos EUA durante anos, até que Obama nomeou Ford para o cargo em 2010.

AS informações são da Associated Press.