Os municípios interessados em participar do Programa Compra Direta Local da Agricultura Familiar têm até segunda-feira para enviar a documentação necessária ao Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. O edital com as informações está disponível no site do ministério.

Os dados serão analisados pela Comissão Técnica da Secretaria Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional do ministério, que habilitará e selecionará os candidatos. Os municípios selecionados poderão receber até R$ 600 mil para a implementação de projetos que beneficiem agricultores familiares. O ministério define o volume de recursos de acordo com total de habitantes.

As prefeituras recebem os recursos diretamente do ministério, para comprar alimentos que devem ser usados na suplementação alimentar de famílias de baixa renda atendidas por programas sociais, creches, hospitais, cozinhas comunitárias, entre outros.

O Ministério do Desenvolvimento Social divulgará a relação dos municípios selecionados no dia 26 de setembro.