Nove pessoas morreram em uma colisão frontal entre um ônibus e um veículo Santana na quilômetro 410 da BR-373 em Candói, na região centro-sul do Paraná, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF). O ônibus transportava 40 pacientes e voltava de Curitiba para Realeza. A colisão foi por volta das 3h da manhã deste sábado (5).

Conforme a polícia, um dos automóveis teria feito uma ultrapassagem proibida e bateu de frente com o ônibus. O motorista do Santana, segundo o Corpo de Bombeiros, fraturou as duas pernas e foi resgatado com vida, mas a caminho do hospital acabou morrendo. O outro ocupante do carro morreu na hora.

No ônibus havia 40 pessoas e sete delas morreram. A maioria dos passageiros eram pacientes e estavam voltando de consultas em Curitiba. Além dos dois carros, um Chevrolet Chevette, envolvido no acidente, fugiu do local, mas foi encontrado horas depois pela PRF a cerca de 700 metros do local, em uma área de plantação. Os ocupantes deste carro não foram localizados e o veículo passará por perícia.

Os demais passageiros do ônibus foram encaminhados para o Hospital Santa Clara de Candói e alguns transferidos para os municípios de Guarapuava e Coronel Vivida. Cinco pessoas ficaram gravemente feridas. A PRF informou por volta das 10h que estava removendo os veículos da via. O lugar está interditado, mas não há informações sobre o trânsito formado.

Mais informações em breve.