Terminou no início da noite desta quinta-feira (02) a Ação Integrada de Fiscalização Urbana (Aifu) em Curitiba. Foram fiscalizados 16 pontos na região do terminal do Guadalupe. A ação começou à tarde, com 60 policiais militares, civis, guardas municipais e agentes de órgãos municipais. ?Tivemos um bom resultado. Continuaremos monitorando a região para manter a segurança no local?, afirmou o coordenador da Aifu, Benedito Facini.

De acordo com Facini, sete estabelecimentos foram paralisados por falta de alvará da prefeitura, três crianças foram encaminhadas para o Conselho Tutelar, uma mulher foi presa por receptação de relógios no hotel La Rocha, na rua João Negrão, e um homem foi detido por portar identidade falsa. Além disso, quatro hotéis foram indiciados por favorecimento à prostituição.

?As crianças estavam sozinhas num dos hotéis. Seus pais são estrangeiros e tinham deixado as crianças sem um responsável?, explicou Facini. As crianças têm entre dois e sete anos. Os dois detidos foram encaminhados para o 1º distrito policial.