Rio de Janeiro – A Operação Saúva da Polícia Federal prendeu no Rio de Janeiro o capitão do Exército Carlos Alberto Teixeira Ramos. Ele é acusado de participar do esquema de fraude em licitações para a compra de gêneros alimentícios para o Exército junto com empresários e servidores públicos civis e militares.

A assessoria de imprensa da Superintendência da Polícia Federal no estado informou que o militar foi preso em casa, no início da manhã de hoje. Os policiais também apreenderam um computador e um caderno com anotações.

O militar está detido no Batalhão do Exército, na Tijuca, zona norte da cidade, onde está lotado. A Polícia Federal informou que o capitão será levado ainda hoje para Manaus, num vôo previsto para as 17h30.

A operação conjunta da Polícia Federal, Ministério Público Federal e Receita Federal está cumprindo hoje (11) 47 mandados de busca e apreensão e 33 ordens de prisões em São Paulo, Brasília, Rondônia, Ceará, Rio Grande do Norte e Rio de Janeiro.