O PFL, PSDB e PPS decidiram entrar no Supremo Tribunal Federal na segunda-feira, 17h30, com mandado de segurança para garantir a instalação da CPI do apagão aéreo. Os partidos consideram que a comissão de inquérito é um instrumento da minoria e esperam que o STF determine à Câmara a instalação da CPI, assim como aconteceu com a CPI dos Bingos no senado.