Concursos e serviços de policiamento foram alguns dos assuntos relatados com mais freqüência pela população em suas reclamações e solicitações de informações feitas à Ouvidoria, da Secretaria Especial de Corregedoria e Ouvidoria Geral (Seoge), no mês de fevereiro. Ao todo, foram registrados 54 procedimentos desses temas, que foram encaminhados para os órgãos competentes para averiguação.

Os cidadãos também procuraram a Ouvidoria durante o mês para tirar dúvidas sobre a transferência das contas do funcionalismo do Paraná para os bancos públicos (46), para solicitar a busca de pessoas desaparecidas (63) e para fazer denúncias sobre o uso indevido de veículos oficiais (oito). Todos os casos relatados para as atendentes da instituição foram classificados em vários assuntos, das mais diferentes áreas, como administração geral, cultura, educação, energia elétrica, previdência, saúde e segurança, entre outros.

Balanço

Em fevereiro, foi instaurado um total de 625 procedimentos. A maior parte foi de solicitação de informações (245), seguida de reclamações (239) e denúncias (100). A população também fez sugestões e elogios (41) sobre a administração do Estado e programas de governo.

O número total de atendimentos ? se somados os pronto-atendimentos e os procedimentos instaurados ? chegou a 1.436 contatos. O telefone foi o meio de comunicação mais utilizado (958). As pessoas também procuraram a Ouvidoria pela internet, por carta, fax e pessoalmente (478).

Desde o início do ano, a Secretaria de Corregedoria e Ouvidoria já contabilizou 2.724 atendimentos e 1.161 encaminhamentos. Em 2005, foram 14.262 contatos e 6.478 procedimentos instaurados.

Serviço
Secretaria Especial de Corregedoria e Ouvidoria Geral.
Telefone: 0800-411113.
Rua Comendador Araújo, 711, Batel, Curitiba, Paraná.
Atendimento de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 19 horas.
Na internet: www.pr.gov.br/ouvidoria.