O ministro da Fazenda, Antonio Palocci, chegou hà pouco à Câmara para a audiência pública na Comissão de Finanças e Tributação. Ele foi recebido pelo líder do governo na Casa, deputado Arlindo Chinaglia e líderes dos partidos aliados. Perguntado se teria pedido demissão ao presidente Luiz

Inácio Lula da Silva, como admitem fontes do governo, Palocci desconversou. "Eu vou falar muito hoje. Vocês vão enjoar de me ouvir", afirmou o ministro, que seguiu para o gabinete da presidência da Câmara.