O papa Bento XVI marcou nesta segunda seu aniversário de 80 anos com um almoço, com a participação de cardeais, e assistindo a um concerto – uma celebração relativamente tímida, em linha com o ritmo lento do seu papado, que ele afirmou que será "curto.

Bento XVI passou a manhã se encontrando com fiéis da sua nativa Alemanha, que lhe deram cumprimentos de aniversário, incluídos os governadores dos estados da Baviera e de Schleswig-Holstein, e um representante do patriarca ecumênico Bartolomeu I, líder espiritual dos cristãos ortodoxos.

Entre os presentes, o papa ganhou 80 garrafas de cerveja da Baviera, dadas pela arquidiocese de Munique, um bolo de aniversário de alguns seminaristas em Roma e um urso gigante de brinquedo, que o papa doou a um hospital infantil romano.

Doações

"O papa disse expressamente que ele prefere não aceitar presentes pessoais e qualquer um que queira presenteá-lo pode dar uma doação, que ele então poderá usar em benefício de outros por exemplo, para a Terra Santa e outras regiões do mundo em crise, como a África," disse o secretário do pontífice, o Monsenhor George Ganswein