Representantes do Ministério das Relações Exteriores estiveram, nesta quinta-feira, na Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, formalizando o convite para que o Paraná seja sede da Convenção Internacional sobre Diversidade Biológica, que será realizada em março de 2006 em Curitiba.

O convite oficial para celebração do acordo de sede entre o Governo do Brasil e o Secretariado da Convenção sobre Diversidade Biológica, que será assinada na próxima quarta-feira, em Brasília, foi entregue pelo chefe de gabinete da Subsecretaria Geral de Política do Ministério, Ernesto Rubarth.

De acordo com o secretário do Meio Ambiente, Luiz Eduardo Cheida, o governo do Paraná terá uma participação efetiva na convenção. ?Não apenas na questão ambiental, mas também na organização da estrutura que será oferecida aos participantes, juntamente com os municípios envolvidos?, afirmou.

?Realizar um evento deste nível é uma grande oportunidade para Curitiba, o Paraná e o Brasil, que poderão mostrar que, além da Amazônia, existe uma biodiversidade riquíssima em nosso país?, destacou o secretário.

Segundo ele, devido ao sistema de rodízio entre os países, somente daqui ha dez anos o Brasil terá outra chance de sediar uma convenção mundial sobre biodiversidade. Mais de cem Ministros de Meio Ambiente de diversas partes do mundo são esperados para o evento.

Um decreto presidencial está para ser assinado criando as câmaras técnicas, entre elas, de comunicação e logística. Um portal na internet está sendo montado com informações sobre a convenção e o governo federal deverá lançar ainda um concurso para eleger a logomarca do encontro.

Paraná

Além da participação na montagem da estrutura do encontro a Secretaria do Meio Ambiente está programando uma série de atividades preliminares a Convenção.

Na última semana foi realizada uma capacitação para 52 lideranças indígenas de 13 estados brasileiros. ?É fundamental que a sociedade esteja preparada para argumentar e debater um tema que é de interesse público como a biodiversidade?, disse Cheida.

?Além disso, ficamos responsáveis pela realização de um congresso nacional sobre Biodiversidade, envolvendo as três esferas, com objetivo de levantar propostas a serem apresentadas na conferência?, afirmou.

Ele informou ainda que o governo está instituindo o Fórum Paranaense de Biodiversidade e está programando o lançamento de novos programas e visitas técnicas a ecossistemas ricos em biodiversidade em todo o estado.

Convenção

A Convenção da Diversidade Biológica é resultado da Conferência das Nações Unidas para o Meio Ambiente e Desenvolvimento realizada no Rio de Janeiro em 1992 (ECO 92) e também o principal acordo internacional sobre Biodiversidade.

A Convenção é composta pela MOP – reunião dos países membros do Protocolo de Cartagena sobre Biossegurança e a COP – Conferência das Partes, que é o órgão decisório na CDB. Já foram realizados outras sete reuniões da COP. Os encontros acontecem a cada dois anos em sistemas de rodízio entre os continentes.