A Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, através dos técnicos do Instituto Ambiental do Paraná (IAP), órgão vinculado à Sema, acompanhou ontem, os trabalhos de limpeza do combustível que vazou de um caminhão que capotou em São Mateus do Sul, em região de várzea próxima ao Rio Potinga.

O acidente ocorreu na segunda-feira, por volta das 21h, na BR-476, quilômetro 295, entre São Mateus do Sul e União da Vitória. O caminhão carregava gasolina e óleo diesel, saiu da pista e tombou a uma distância de quatro quilômetros do rio. A estimativa é que o acidente tenha provocado vazamento de 15 mil litros de óleo e gasolina na área de várzea.

Sob a orientação dos técnicos do IAP, foi concluído, pela manhã, o transbordo da carga que restou no veículo. Durante todo dia de ontem foram realizados trabalhos de contenção e sucção do combustível derramado e não há data prevista para finalização da limpeza. O vazamento não atingiu o rio Potinga, mas chegou até a lagoa do Potinga, na região.

O IAP realizou coletas de solo e água para análise. Somente após o resultado das análises das amostras e conclusão do relatório sobre a gravidade do acidente é que o IAP poderá avaliar a aplicação e extensão da multa.

Além de técnicos do IAP e do Auto Posto Jangada, empresa de União da Vitória responsável pela carga e caminhão, também foram acionados a Petrobrás, Polícia Rodoviária Federal e o Corpo de Bombeiros.