Um boto cinza, com mais de três metros de comprimento, foi encontrado morto, no último domingo, na Baía de Guaratuba, no litoral do Estado. Pescadores avisaram a Polícia Florestal.

“Como o animal era muito grande, alguns pescadores e moradores de Guaratuba chegaram a achar que era uma baleia”, conta o tenente Durval Tavares Júnior, da Polícia Florestal.

O corpo está sendo estudado no Centro de Produção de Organismos Marinhos da Pontifícia Universidade Católica (PUC). As causas da morte ainda não foram detectadas. O tenente acredita que o boto pode ter se enroscado em uma rede de pesca ou entrado em atrito com outro peixe, pois o corpo estava bastante machucado. Geralmente, os botos chegam perto da praia quando estão atrás de cardumes de tainha. A carne do animal não é comestível.