Uma equipe formada por 30 profissionais do Centro de Controle de Zoonoses da Prefeitura de Ponta Grossa mobilizou boa parte da cidade no último sábado (22), com a campanha nacional de combate à dengue. A mobilização levou às pessoas dicas de prevenção e explicações sobre o mosquito transmissor da doença, o aedes aegÿpti. As ações contra a dengue, que começaram no último sábado – o Dia D – seguem em Ponta Grossa até sexta-feira, com apresentações teatrais educativas, no Sesc, das 14 às 15 horas e das 15 às 16 horas.

Um mutirão de informação sobre a doença, distribuição de panfletos explicativos e fantoches deram o tom da campanha na cidade. Este ano, Ponta Grossa inovou e levou para as ruas o calendário de 2009, que em cada mês do ano dá uma dica sobre a prevenção. Segundo a gerente do Centro de Controle de Zoonoses, Priscilla Alves Santos, em seis horas e meia de campanha 3.000 calendários e 5.000 panfletos foram distribuídos na cidade.

Nas ruas, os profissionais esclareceram as principais dúvidas que envolvem a dengue. A mais freqüente, segundo Priscilla, era sobre como é o mosquito. “Muitas pessoas imaginam o aedes aegÿpti um mosquito grande. Mostramos que ele é um mosquito pequeno, que tem o costume de atacar as pessoas durante o dia, vive e se reproduz em ambientes com água limpa, próximos a habitação humana”, diz.

Outra questão muito abordada na mobilização em Ponta Grossa foram os sintomas da doença. “Muitas pessoas confundem a dengue com gripe”, diz Priscilla. Ela conta que dor de cabeça, nos olhos, nos músculos, nas juntas, febre muito alta, fraqueza, manchas avermelhadas por todo o corpo são indicativos da doença.

A campanha contra a dengue em Ponta Grossa nunca pára. Técnicos e agentes de saúde atuam na orientação da comunidade, com a distribuição de folhetos explicativos e ações diretas para desinfecção, com inspeções de casa em casa. O trabalho de prevenção feito ininterruptamente pelo Programa Municipal de Combate à Dengue garante a redução ano a ano do aedes aegÿpti no município. “Isso é resultado da campanha bem-sucedida que vem sendo feita na cidade”, diz a gerente.