Kelly Hubner de Lanes, 28 anos, morreu depois de bater sua moto Honda contra um Palio, no Tatuquara, por volta das 18h30 de ontem. Ela vinha pela Rua Presidente João Goulart e o motorista Renato Armachuk seguia pela Rua Odir Gomes da Rocha.

Segundo testemunhas, o capacete de Kelly se desprendeu no momento do acidente. Ela foi projetada para frente e bateu com a cabeça desprotegida no asfalto. “Fiz a conversão e não a vi se aproximar. Parei o carro no acostamento e tentei prestar socorro, mas não havia mais o que fazer”, disse Renato. Ele foi encaminhado por policiais do Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran) à Delegacia de Delitos de Trânsito onde prestou depoimento e foi liberado.