No sábado (8), todos os celulares ‘piratas’ serão bloqueados no Paraná e em outros nove estados do Brasil. Os aparelhos irregulares que deixarão de funcionar são de marcas não homologadas pela Anatel, clonados, adulterados ou roubados. Segundo a agência, os aparelhos não oferecerem qualidade e nem segurança, que são exigidas pela regulamentação brasileira.

Além do Paraná, os celulares irregulares serão bloqueados nos estados do Acre, Espírito Santo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina e Tocantins. No Distrito Federal e em Goiás o bloqueio já aconteceu e 103 mil aparelhos foram excluídos da rede de telecomunicações.

Quem tem dúvidas sobre a ‘situação’ de seu aparelho, pode digitar o código *#06# no discador do aparelho e consultar o número do IMEI do aparelho no site da Anatel.

De acordo com a agência, desde 23 de setembro os aparelhos irregulares habilitados nas redes tem recebido mensagens alertando sobre o bloqueio. Na véspera da restrição, a agência deve enviar mais uma mensagem, avisando sobre a paralisação do serviço. Para quem recebeu o aviso e tem dúvidas sobre sua autenticidade, a Anatel alerta que a comunicação é feita pelo número 2828. Qualquer outro número significa que a mensagem não é autêntica.

No Nordeste e nos demais estados do Norte e do Sudeste, a data de bloqueio dos aparelhos ‘piratas’ será em 24 de março de 2019.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do trio de ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Com fim do Ministério do Trabalho confirmado, saiba como ficam atividades do órgão!