A forte chuva registrada entre a noite de sexta-feira e a madrugada de ontem no Paraná causou uma série de transtornos em vários municípios. Na capital, a Defesa Civil contabilizou dezenas de alagamentos e quedas de árvores. No município da Lapa, uma ponte caiu, enquanto que em Campo Largo mais de 100 moradores ficaram desalojados. Em Santo Antônio do Sudoeste, a chuva acompanhada de granizo deixou 97 casas danificadas.

De acordo com a Defesa Civil do Estado, em Curitiba a situação mais crítica foi registrada no bairro Campo Comprido, onde ocorreram 23 pontos de alagamento, deixando nove pessoas desabrigadas. Os alagamentos também desabrigaram dez moradores da Lapa, onde a chuva derrubou a ponte sobre o Rio Passa Dois.

A situação mais tensa ocorreu em Campo Largo, também na região de Curitiba. No bairro Itaqui, equipes da Defesa Civil precisaram resgatar quatro pessoas que ficaram ilhadas pela água.

O temporal também causou alagamentos em Palmeira e Ponta Grossa, onde uma casa foi atingida por uma árvore. Houve também problemas com abastecimento de água na região.

Estradas

As chuvas ainda causaram uma queda de barreira no quilômetro 14 da PR-090, conhecida como Estrada do Cerne, no distrito de Bateias, em Campo Largo. Ninguém se feriu. Segundo a Polícia Rodoviária Federal, em Morretes houve queda de árvores no quilômetro 21 da BR-277, que também precisou ser interditada.