A alta no número de internações no estado por causa da pandemia de coronavírus levou o Paraná a anunciar, no meio da tarde desta sexta-feira (19) mais 62 leitos de enfermaria exclusivos para pacientes com a doença. Desse total, 52 já estão disponíveis e outros 10 passarão a funcionar neste sábado (20). Esse reforço estrutural está concentrado na regiões Leste e Oeste. O governo, porém, não descarta ter que ampliar as medidas de restrição para ajudar a conter o avanço da pandemia.

LEIA TAMBÉMParaná tem 1.089 internamentos por covid-19, maior número desde o início da pandemia

De acordo com o boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), o estado tem 3.037 pessoas internadas nas redes pública e privada, considerando todos os tipos de leitos. A situação das UTIs SUS é a mais delicada. Com taxa de ocupação em 89%, sobravam apenas 137 leitos nesta sexta. As enfermarias do SUS tinham 61% de ocupação, com 700 vagas disponíveis, segundo o levantamento da pasta.

Com o aumento da procura por atendimento de pacientes com suspeita ou confirmação da Covid-19, novos leitos devem ser abertos em outras regiões do estado. Na próxima semana já está prevista a abertura de 5 unidades de UTI em Sarandi e mais 6 em Francisco Beltrão. Maringá também deve ter a ativação de mais 10 vagas de UTI.

“Nós não temos capacidade infinita, e se essa transmissão não for devidamente manejada, teremos de fato um colapso com falta de leitos, efetivamente”, explicou o diretor de Gestão e Saúde da Sesa, Vinícius Filipak, em entrevista ao portal G1 Paraná. Ele admite, inclusive, ampliar medidas de restrição para frear o contágio de coronavírus no estado, como aumentar o toque de recolher ou até mesmo restringir novamente as atividades. “Nenhuma possibilidade é descartada. Nós não podemos descartar a necessidade de lockdown”, complementou ele, que também ao G1 Paraná informou a intenção de abrir 26 UTIs nas próximas duas semanas.

Leitos de enfermaria

Segundo a Sesa, os leitos de enfermaria abertos nesta sexta-feira são 15 no Hospital Regional do Litoral, em Paranaguá; 15 no Instituto Nossa Vida, em Coronel Vivida, Oeste; 12 no Hospital e Maternidade Jesuítas; além de outros 10 na Associação de Saúde, nas cidades de Jesuítas e Mangueirinha respectivamente. Os 10 leitos que serão disponibilizados neste sábado são Hospital Bom Samaritano, em Céu Azul, também no Oeste do Paraná.