O Conselho Universitário (Coun) e o Conselho de Curadores (Concur) da Universidade Federal do Paraná (UFPR) elegeram ontem o professor Zaki Akel Sobrinho como novo reitor da instituição. Akel já havia vencido a consulta popular, realizada no dia 10 de setembro.

Depois da decisão de ontem, o Coun deve enviar ainda esta semana uma lista tríplice para o Ministério da Educação, que por sua vez fica responsável pela homologação do nome do novo reitor e da promulgação da data de sua posse. Geralmente, a posse ocorre cerca de um a seis meses depois da eleição no Coun. Na consulta popular, Zaki Akel obteve 57,97% dos votos.

A reunião do Coun iniciou por volta das 9h de ontem, com a presença de dois terços dos conselheiros, como prevê o artigo 4.º da Resolução 79/08 – uma das resoluções que rege as eleições na UFPR.

Durante a reunião, dois novos candidatos se inscreveram para o cargo de reitor – estes se inscreveram apenas no Coun: os professores João Carlos da Cunha, do setor de Ciências Sociais Aplicadas, e Almir Urbanes, do setor de Saúde. Ambos os nomes foram homologados pela presidente do Coun, a reitora em exercício Márcia Helena Mendonça.

Dessa forma, a votação iniciou. Dos 46 votantes, Zaki Akel conseguiu 38 votos; Cunha teve três votos e Urbanes, dois. Outros dois votos foram brancos e mais um, nulo. Já os professores Amadeu Bona Filho, Paulo Afonso Bracarense e Cid Aimbiré retiraram os nomes durante a reunião do Coun.

Zaki Akel é formado em Administração pela Universidade Federal do Paraná, mestre em Administração pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e doutor em Administração pela Universidade de São Paulo.

É professor da graduação da UFPR desde 1984, e também leciona na pós-graduação nos níveis de mestrado e doutorado. Foi pró-reitor de Planejamento, Orçamento e Finanças de 2002 a 2006 e é diretor do Setor de Ciências Sociais Aplicadas no mandato de 2006 a 2010.

Depois da eleição no Coun, Akel se pronunciou, afirmando que a comunidade universitária tem um desafio com a implantação do Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (Reuni). Ele reafirmou também que as decisões serão tomadas sempre em conjunto com os diversos grupos existentes na UFPR.

A reportagem de O Estado procurou Zaki Akel, ontem, mas ele não foi encontrado. Em entrevista a O Estado no dia 11 de setembro, ele afirmou que pretende priorizar a graduação da UFPR em sua gestão.

Ele explicou que as mudanças serão feitas depois de um grande diagnóstico, que deverá durar cerca de dois meses. Na noite da última segunda-feira, o novo reitor participou de um jantar de comemoração no restaurante Madalosso, em Santa Felicidade.