Foto: Anderson Tozato
Susan Hahm, presidente do CTC e o neurocirurgião Charles Kondageski.

Uma instituição sem fins lucrativos, que acabou de ser criada em Curitiba, vai tratar crianças carentes com tumor cerebral sem custo para as famílias dos pacientes. Trata-se do Centro da Criança com Tumor Cerebral (CTC-INC), criado pelo Instituto de Neurologia de Curitiba (INC). O centro, que já realizou uma cirurgia em um menino de 11 anos, pretende receber doações de pessoas e empresas dispostas a ajudar na causa.

?Depois das leucemias e dos linfomas, os tumores cerebrais são os tipos de câncer mais freqüentes em crianças?, diz o neurocirurgião pediátrico Charles Kondageski, diretor médico do centro. ?A chance de cura com cirurgia é muito alta no caso de tumores benignos, os mais comuns nas crianças?. A cirurgia em muitos casos elimina a necessidade de tratamentos como a quimio e radioterapias. ?Além disso, a rapidez no atendimento prestado faz muita diferença?, completa o médico.

O foco do centro será mais voltado às cirurgias, para as quais toda a estrutura do INC, como médicos, enfermeiros e outros profissionais, bem como equipamentos e salas, poderão ser disponibilizados. ?Para os tratamentos, nós estamos contando com as doações da sociedade civil?, diz Kondageski.

Para receber o tratamento do centro, as famílias das crianças com tumores cerebrais deverão entrar em contato com a instituição e preencher certos requisitos. ?Temos uma equipe de assistentes sociais que farão avaliações nas famílias?, informa Kondageski, completando que também será necessária uma avaliação médica.

Kondageski lembra que tanto os planos de saúde quanto o Sistema Único de Saúde (SUS) cobrem os procedimentos que o centro oferece. Mas no caso do SUS, segundo ele, ?as filas podem durar algum tempo?. Tempo que pode fazer a diferença e evitar a evolução dos tumores.

A presidente do CTC-INC, Susan Hahm, diz que a instituição aceitará vários tipos de doações. Os doadores podem, por exemplo, patrocinar o tratamento completo de uma criança ou custear parte do tratamento.

Os interessados em procurar tratamento ou fazer doações podem procurar o INC, no telefone (41) 3028-8545.