O Departamento de Estradas de Rodagem (DER) arrecadou R$ 109,6 mil com o leilão de sucatas realizado nesta sexta-feira (14). Todos os 346 veículos entre carros, motos, caminhonetes e carretas foram arrematados pelos 50 participantes do evento. Como medida de segurança, só puderam participar empresas credenciadas como desmanche de sucatas no cadastro do Detran.

?É uma medida que impede que as sucatas vendidas sejam colocadas em uso novamente nas ruas e estradas?, explicou o secretário dos Transportes, Rogério W. Tizzot.

Os valores arrecadados serão utilizados para pagar as dívidas que os ex-proprietários dos veículos possuíam com o Estado, como o IPVA (Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores), multas atrasadas e outros débitos que foram se acumulando durante os anos em que o veículo esteve retido nos pátios da Polícia Rodoviária Estadual (BPRv).

O leilão faz parte do processo de ?limpeza? dos pátios da Polícia Rodoviária que ocorre desde 2003, quando foi iniciado o cadastramento dos veículos. As equipes do DER visitaram os 65 postos do BPRv para catalogar aqueles que não foram reivindicados por seus proprietários e ficaram avariados com a ação do tempo. Nesta edição foram vendidos todos os 80 lotes que estão localizados em 23 pátios da Polícia Rodoviária.

?Já estamos programando um novo leilão par ao final do primeiro semestre do ano que vem, onde devem ser colocados à venda mais 2 mil sucatas?, acrescentou o secretário dos Transportes.

Arrecadação ? Nas duas últimas edições ? em maio deste ano e em novembro de 2004 -, o DER arrecadou R$ 600 mil com a venda de 2,5 mil carros que estavam apreendidos nos pátios da Polícia Rodoviária Estadual.