Este fim de semana entra em discussão em Curitiba o Plano Nacional de Educação em Direitos Humanos, durante a Conferência Estadual sobre Direitos Humanos. O membro do comitê nacional que trata do assunto, José Gediel, diz que os materiais para a formação de servidores que trabalham com segurança pública já estão prontos e os livros didáticos devem apresentar o tema em 2008. O encontro começou ontem, e termina hoje.

O Plano Nacional de Educação em Direitos Humanos foi aprovado no final de 2003 e este ano começou a ser colocado em prática. Até agora foram discutidas as questões que seriam abordadas e a forma como seria abordado em escolas, universidades e dentro das instituições públicas.

O tema direitos humanos também vai ganhar mais força nas salas de aula a partir de 2008, quando os novos livros didáticos chegam às escolas. "É importante que este trabalho comece já com os pequenos. Culturalmente existe um desrespeito aos direitos humanos até em suas formas mais simples", fala Gediel. Para ele, a consciência sobre os direitos humanos é a base para uma sociedade mais justa. "Haverá reflexos na economia e na política", fala.