O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou, nesta segunda-feira (19), as médias obtidas pelos participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2009. Segundo a secretária estadual da Educação, Yvelise Arco-Verde, a grande importância do Enem está em facilitar o ingresso do aluno no ensino superior. “Cada vez mais os alunos da rede pública estão tendo acesso ao ensino superior e isso demonstra a democratização da Educação”, ressalta.

Ela explica que o Enem é um processo de classificação para o ensino superior, e não de avaliação do sistema de educação básica, que é feito pelo Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), divulgado no início deste mês. “Observamos que, no Paraná, as escolas que foram apontadas como as melhores escolas pelo Ideb também conseguiram boas notas no Enem”, afirma.

A secretária ressalta que as notas do Enem são resultados de um momento único de avaliação e que devem ser observadas nesta perspectiva. “O Enem tem caráter voluntário por parte dos estudantes. Muitas vezes, não são todos os alunos que participam e, tecnicamente, é diferente do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), portanto, a amostragem não é fidedigna”. A média resultante do Enem não configura o resultado da escola, mas um momento de desempenho do aluno. “O conhecimento demonstrado não evidencia apenas a qualidade da escola, mas também o histórico da escolarização e das relações familiares e sociais do aluno”, pondera a secretária.

Exame

Criado em 1998, o objetivo do Enem é avaliar o desempenho dos estudantes ao fim da escolaridade básica. Em 2009, participaram mais de 2,4 milhões de candidatos. Deste total, 37% são concluintes do ensino médio e 56% informaram ser egressos, ou seja, concluíram esta modalidade de ensino em anos anteriores. O número de escolas com alunos participantes chegou a 25.484 e o exame passou a ser utilizado com forma de seleção unificada nos processo seletivos das universidades federais. O Enem continua a ser utilizado pra seleção dos bolsistas do Programa Universidade para Todos (ProUni) do governo federal.

O exame aplicado em 2009 foi composto por uma redação e provas objetivas em quatro áreas do conhecimento: linguagens e códigos, ciências humanas, ciências da natureza e matemática. Para conhecer os resultados do Enem, deve-se acessar o sítio do Inep: www.inep.gov.br. Ali é possível verificar as médias de todas as escolas do Brasil por modalidade de ensino. Seis notas são divulgadas: as médias separadas das quatro áreas objetivas avaliadas no exame, a média da redação, a média das provas objetivas e a média geral (prova objetiva mais redação).