Quem passou por Paranaguá no último final de semana ficou surpreso. Isso porque, ao contrário de outras regiões do país, por lá não teve ressaca com ondas altas e, sim, uma maré extremamente baixa.

O trapiche, que serve de embarque para turistas, estava totalmente visível e os moradores da Ilha dos Valadares encontraram dificuldade na hora de atravessar o Rio Itiberê rumo ao outro lado da cidade. Quem vive há bastante tempo na região litorânea ainda contou que o fenômeno assustou.

“Fiquei assustado, pois nunca vi a maré tão baixa! Muitos colegas de trabalho aqui no porto também nunca haviam visto algo parecido há um bom tempo”, relatou Renan Barcellos, 20, estudante.

Segundo a tenente Virgínia Turra, do Corpo de Bombeiros, não houve nenhum registro de ocorrências apesar da maré baixa. O Simepar informou que é necessário um estudo maior para entender o fenômeno por completo, mas que, provavelmente, a circulação causou esse efeito e a maré baixa foi potencializada.