O frio bateu recorde no Paraná. Em General Carneiro, no sul do Estado, foi registrada a menor temperatura do País nesta quarta-feira (14), -5,1ºC. A sensação térmica ficou em -7,4°C, de acordo com o meteorologista do Instituto Tecnológico Simepar Reinaldo Kneib.

“Não há ventos fortes e umidade na região, o que faria essa sensação ser ainda de mais frio”, afirmou. As temperaturas estão mais baixas nas regiões sul e sudoeste e na região da fronteira do Brasil com o Paraguai e a Argentina. O dia com poucas nuvens e o ar gelado provocam geadas e temperaturas abaixo de zero em praticamente todos os municípios dessas regiões.

Segundo o meteorologista, uma massa de ar polar intensa que abrange todo o Sul do Brasil é responsável pela queda acentuada nas temperaturas nos estados da região.

Em Curitiba a mínima registrada nesta madrugada foi de 5 ºC. A previsão é que o frio permaneça intenso em toda a Região Sul até sexta-feira (16), o que, segundo Reinaldo Kneib, é normal nesta época do ano.

Primeira morte

O frio pode ter feito a primeira vítima em Curitiba. Dimas Ernerto Baptista, 48 anos, foi encontrado morto por um taxista na Avenida Senador Salgado Filho, no bairro Guabirotuba, por volta das 8 horas desta manhã.

Segundo a rádio Banda B,a vítima estava debaixo de uma marquise de uma farmácia, sem cobertor, apenas deitada em cima de papelões. Ele apresentava visíveis sinais de hiportemia – pele pálida, boca espumando e músculos rígidos.

Logo na chegada do Samu, foi possível identificar que o homem estava morto e o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML). Porém, somente exames complementares poderão confirmar a causa morte de Baptista.