Uma passageira de um ônibus de viagem chamou a atenção do cão farejador da Polícia Federal (PF) e acabou presa, na tarde de quinta-feira (19), na BR-277, em Foz do Iguaçu, no Oeste do Paraná. A mulher que aparentava estar grávida, na verdade, levava sementes de maconha escondidas na falsa barriga de gestante.

LEIA TAMBÉM:

>> Trecho “empaca viagem” na BR-376 vai receber R$ 33 milhões pra novo viaduto. Agora vai?

>> Curitibanos reclamando do frio viram meme nas redes; veja as piadas!

>> Elon Musk virá ao Brasil nesta sexta-feira para papo com Bolsonaro m hotel de luxo. Saiba o motivo!

De acordo com a PF, policiais federais realizavam fiscalização na rodovia BR 277, para vistoriar veículos e ônibus em busca de drogas, armas e mercadorias contrabandeadas. Durante o trabalho, os policiais foram verificar um ônibus interestadual, que saiu de Foz do Iguaçu e tinha como destino a cidade de Porto Alegre (RS).

Na ação, o cão de serviço policial indicou que uma das passageiras teria alguma irregularidade. A suposta grávida, que é paraguaia, foi retirada do ônibus, quando novamente o cão policial apontou para sua barriga.

Segundo a polícia, ao levantar a blusa, foi constatado que a passageira usava uma cinta abdominal, que escondia uma sacola plástica contendo sete pacotes com mais de seis quilos de sementes de maconha.

Com a constatação, a passageira e as sementes foram levadas para a Delegacia de Polícia Federal em Foz do Iguaçu, para a lavratura do flagrante.

Sementes.jpeg
Sacola com os mais de seis quilos de sementes de maconha. Foto: Divulgação/PF
Pantanal

Zuleica está preocupada com Marcelo

Instagramáveis

Saiba onde encontrar as lindas cerejeiras em Curitiba

Novidades da Netflix

Volume 2 de Stranger Things 4 e mais séries e filmes chegam nesta semana

Além da Ilusão

Joaquim termina seu noivado com Isadora