O Hospital Pequeno Príncipe inaugurou ontem 80 novos leitos e poderá atender seis mil crianças a mais, por ano. O governo do Estado destinou R$ 3 milhões para a obra e outros R$ 8,8 milhões vieram de mais de cem empresas de todo o Brasil.

São quatro novos pavimentos: dois de apartamentos, um de leitos de UTI e no último andar foram instalados dois auditórios, espaço ecumênico, biblioteca, sala para educação e cultura, setor de psicologia e serviços de apoio.